quinta-feira, 13 de setembro de 2012

REPAREI








Reparei que o mundo era outro

E eu estava longe do mundo...

Reparei que tu não eras o mesmo

E eu ainda não tinha notado



Reparei que eu não dei pelo tempo

E pensava que as pessoas eram outras...

Reparei que tudo era novo

E que até o Amor era diferente.



Reparei que hoje já não é ontem

E que eu também tenho que mudar

Reparei mas fechei os olhos

Pois reparei que não queria reparar.


LILI LARANJO




 ME DI CUENTA


Me di cuenta que el mundo era otro

Y que estaba fuera del mundo...

Me di cuenta de que no eras el mismo 

Y todavía no lo había notado.



No me di cuenta del paso del tiempo 

Y pensaba que las personas eran otras...

Me di cuenta de que todo era nuevo 

Y que hasta el amor era diferente.



Me di cuenta de que hoy no es ayer 

y que también tengo que cambiar

Me di cuenta pero cerré los ojos

 Porque me di cuenta de que no quería darme cuenta.



 Poema de Lili Laranjo 
Traducción de Joaquín Duarte 



65 comentários:

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Lili! Passando para saber como estás, matar um pouco a saudade e apreciar mais uma das tuas belas criações. Lindo poema.

Beijos,

Furtado.

Pedro Luis López Pérez disse...

Darse cuenta de que nada queremos cambiar y que todo lo que ha transcurrido ha merecido la Pena.
Precioso Poema, Lili.
Un abrazo.

Manuel disse...

Sabes Lili? Esta é uma das belas das tuas poesias.
Adorei!

alegria de viver disse...

Querida amiga

Estou de volta agora com mais saudades.
Levei dois dedais mas não consegui me comunicar consigo, deixei com minha irmã que mora em Leiria, se por acaso passar por lá é só marcar um lugar que ela vai ao encontro.

A poesia aqui sempre tem a pureza de uma alma nobre.

Com muito carinho BJS.

Vento disse...

Africa!
quem por lá passa nunca mais esquece!:))

é, as coisas mudam e a gente sente mais saudade ainda.
beijo, Lili.

AFRICA EM POESIA disse...

RUFINA
Bem triste por não te ter dado um beijinho. estavamos bem perto...
espero passar em leiria Domingo por favor manda-me o contacto da tua mana.

obrigada por te ters lembrado de mim... ainda não tenho um unico dedal do BRASIL.
beijinhos

AFRICA EM POESIA disse...

Rosemildo

saudades de verdade
obrigada pela visita.

AFRICA EM POESIA disse...

Manuel
obrigada e um beijinho.. sabado vou jantar a Castelo Branco

jantar das mulheres sportinguistas...

LINDO
um beijo

AFRICA EM POESIA disse...

Vento
Feliz por te ver aqui...

Africa é feitiço
beijos

Adolfo Payés disse...

BELLO POEMA COMO SIEMPRE AMIGA..


Siempre es un placer visitarte..
Ya lo siento por no estar presente con mas frecuencia..



Un abrazo
Saludos fraternos..

SOL da Esteva disse...

"Reparei..." que a tua Poesia tem mesmo poesia. É magnífica, completa, e transmite mensagem.

Beijos


SOL

Duarte disse...

ME DI CUENTA

Me di cuenta que el mundo era otro
Y que estaba fuera del mundo...
Me di cuenta de que no eras el mismo
Y todavía no lo había notado.

No me di cuenta del paso del tiempo
Y pensaba que las personas eran otras...
Me di cuenta de que todo era nuevo
Y que hasta el amor era diferente.

Me di cuenta de que hoy no es ayer
y que también tengo que cambiar
Me di cuenta pero cerré los ojos
Porque me di cuenta de que no quería darme cuenta.

Poema de Lili Laranjo
Traducción de Joaquín Duarte

Duarte disse...

Me di cuenta, una vez más, de que eres un ser maravilloso y que tan sólo piensas en hacer el bien... si, amiga del alma, en ti no navegan otros sentimientos.
Me ha costado, difícil de traducir, no se puede hacer una traducción directa, ya que expresas fuertes sentimientos, tiene que ser traducido con el alma.
Te abrazo muy fuerte y, no cambies nunca

Rita Freitas disse...

Pois, a vida, o mundo, tudo é efémero.

Muito bonito e genuíno

Beijinhos

Bertha disse...

Precioso poema...y ,no menos bella melodía.Muchísimas gracias por compartirla.

Un abrazo amiga feliz fin de semana.

Graça Pereira disse...

Às vezes não raparamos naquilo que se passa ao nosso lado e até mesmo connosco ou então como dizes no teu poemas...não queremos reparar.
beijo amigo e bom fds.
Graça

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Muito bom, Lili. Parabéns!

. intemporal . disse...

.

.

. a mudança opera maravilhas .

.

. fico feliz e expectante . de a "ver" . ir por aí . :) .

.

. um beijo meu .

.

.

*** ZIZI *** PARA OS AMIGOS!!! ### disse...

Querida,
seus trabalhos são lindos!
Fiz um post sobre a osteoporose e gostaria que me visitasse e
conferisse!!!
Beijinhos!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

Querida amiga Lili,hermoso poema,ese tiempo que nunca se detiene,y a veces nos deja fuera,cuidate,un abrazo.J.R.

La sonrisa de Hiperión disse...

Siempre estupenda amiga. Un placer haber vuelto por tu casa.

Saludos y feliz domingo.

Marina-Emer disse...

preciosos tus versos se da uno cuenta de todo y a veces tarde,asi es la vida
Tienes una musica preciosa de la mamá.
un beso querida amiga
Marina

Leninha disse...

E eu, reparei que a cada dia, mais me comovem teus poemas e deixam em mim uma doçura e um frescor das tardes da primavera.

Bjssssss, amiga,
leninha

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

AFRICA EM POESIA disse...

Adolfo

Adolfo

Me emcanta ver-te aqui..
un besito para ti



ME DI CUENTA


Me di cuenta que el mundo era otro

Y que estaba fuera del mundo...

Me di cuenta de que no eras el mismo

Y todavía no lo había notado.



No me di cuenta del paso del tiempo

Y pensaba que las personas eran otras...

Me di cuenta de que todo era nuevo

Y que hasta el amor era diferente.



Me di cuenta de que hoy no es ayer

y que también tengo que cambiar

Me di cuenta pero cerré los ojos

Porque me di cuenta de que no quería darme cuenta.



Poema de Lili Laranjo
Traducción de Joaquín Duarte

AFRICA EM POESIA disse...

Sol
Obrigada
e eu reparei qiue ´+e bom ter amigos generosos...

beijos

AFRICA EM POESIA disse...

Duarte
as tuas palavras sobre a tradução palavras cheias de carinho e uma amizade muito bonita .

Te quiero.

perdona pero ando correndo correndo...
tengo exposicion depintura dia 13-10 em Vidago mi terra e um poquito de mim.
besitos...

AFRICA EM POESIA disse...


Rita
a vida é bela...

temoa que a aprovewitar

beijos

AFRICA EM POESIA disse...


Bertha
Besitos e...
Saudades

beijinhos

AFRICA EM POESIA disse...

Graça
è isso não queremos reparar para não vermos muitas vezes o que não queremos..
beijos

AFRICA EM POESIA disse...

Carlos
um beijinho

adorei ver-te. já tinha saudades

beijos

AFRICA EM POESIA disse...


intemporal

gostei ...
de me cruzar por aí..

por isso... deixei marca.

saudades
e ...
vamos andando ..

por aqui...

e...por aí


um beijo

AFRICA EM POESIA disse...

ZIZI
Um beijo e vou ver o blogue,
até já.

AFRICA EM POESIA disse...

Hiperion


saudades meu amigo

besitos

AFRICA EM POESIA disse...

Marina
Un besito e poesia

tu blogue esta lindo

me encantaran as flores.

AFRICA EM POESIA disse...

Leninha
E eu reparei que és uma amiga linda
beijos

AFRICA EM POESIA disse...

CHANa
Um beijo e saudades
volta sempre amigo

Everson Russo disse...

E temos que estar atentos a vida,,,reparar todos os cantos e momentos,,,se precisar recomeçar,,,que assim seja,,,que tudo seja feito com amor...beijos amiga...bela noite pra ti e uma quarta feira cheia de paz...

✿ chica disse...

Linda tua poesia e temos tanto a prestar atenção,reparar, sempre...beijos,tudo de bom,chica

Nilson Barcelli disse...

Todo o mundo é feito de mudança...
Belíssimo poema.
Lili, querida amiga, tem um bom resto de semana.
Beijo.

Everson Russo disse...

Uma bela noite pra ti minha amiga querida,,,e uma excelente quinta feira,,,beijos poesias e flores...

Evanir disse...

Sua amizade e muito importante para
mim .
Tenho vivido nos últimos tempos
muitas dificudades para fazer visitas.
o tempo vai passando nada melhora
para ,que possa digitar.
O fato de não poder comentar não significa,
que deixei de ler sua postagem ela é
minha bagagem para meu segundo livro.
Quando lemos bastante adquirimos mais sabedoria
na escrita tornando maior nossa bagagem.
Cada blog visitado representa a história de uma vida.

Na minha postagem tem sorteio de dois livros
de um amigo escritor.
Ficarei feliz aceitando e convite
para participar do sorteio.
Já conheço a grandeza das obras do livro dele.
Uma linda noite te espero para viagem beijos,Evanir.

Tétis disse...

Amiga Lili

Mais um lindo poema que tão bem descreve o passar do tempo sem que nos apercebamos de que tudo que está à nossa volta vai mudando.

Muito bem conseguida esta tua poesia, a maneira simples e muito bela como nela expressas a nossa realidade.

Beijinhos

PS: peço desculpa das ausências, mas sabes os meus motivos, infelizmente para mim...

Eliana disse...

AMEI TODAS, Tambores...aqui no Brasil eles tmabém pulsam nos corações do povo dessa terra.

Eliana disse...

Amei,
Mama Africa,... terra linda que deve ser homenageada sempre. tambores por aqui também pulsam nos corações do nosso povo!
o verde está em nossa bandeira, os animais africanos são explendidos!
quando vejo o filme Rei Leão sinto...que terra generosa é a sua, a musica, a lingua de várias regiões.
Tenho o Cd de Paul Simon, Graceland é um álbum de estúdio, lançado em 1986, onde contém o grupo vocal sul-africano Ladysmith Black Mambazo . sensacional!!!
Parabéns

Eliana disse...

Amei,
Mama Africa,... terra linda que deve ser homenageada sempre. tambores por aqui também pulsam nos corações do nosso povo!
o verde está em nossa bandeira, os animais africanos são explendidos!
quando vejo o filme Rei Leão sinto...que terra generosa é a sua, a musica, a lingua de várias regiões.
Tenho o Cd de Paul Simon, Graceland é um álbum de estúdio, lançado em 1986, onde contém o grupo vocal sul-africano Ladysmith Black Mambazo . sensacional!!!
Parabéns

Sor.Cecilia Codina Masachs disse...

Olá Lili, tus versos nos dejan abierta una gran reflexión. Darse cuenta es poder rectificar nuestras actitudes y poder cambiar para ser mejor persona.
Con ternura
Sor.Cecilia

AFRICA EM POESIA disse...

Sor Cecília

gracias por su comentário e su cariño.
tEnto em mi poesia tudo abieto para reflecion só assim vale a pena escribir
um besito e mucha ternura...com Cristo no meio de nós.

AFRICA EM POESIA disse...

eliana
Africa é feitiço e magia
Quem a ama ama-a para sempre


beijinhos amiga

AFRICA EM POESIA disse...

eliana
Africa é feitiço e magia
Quem a ama ama-a para sempre


beijinhos amiga

AFRICA EM POESIA disse...

Tétis
saudades amiga-
E bom ver-te aqui e faço força de rapidamente estares junto de nós.


beijos

AFRICA EM POESIA disse...

Ebvanir
O livro chegou `*as minhas mãos.. ainda não pude ler nada, logo vou começar delicar-me. vou mandar pela Lindvau lmoivro e poesia
beijos

AFRICA EM POESIA disse...

Everson


vim matar saudade e deixar um beijinho


Reparei

Reparei que o mundo era outro

E eu estava longe do mundo...

Reparei que tu não eras o mesmo

E eu ainda não tinha notado



Reparei que eu não dei pelo tempo

E pensava que as pessoas eram outras...

Reparei que tudo era novo

E que até o Amor era diferente.



Reparei que hoje já não é ontem

E que eu também tenho que mudar

Reparei mas fechei os olhos

Pois reparei que não queria reparar.


LILI LARANJO



AFRICA EM POESIA disse...


NILSON


Um beijinho para ti meu amigo poeta.

AFRICA EM POESIA disse...

CHICa

è bom encontrar-te aqui


beijos

ONG ALERTA disse...

Sempre nos encanta, bom domingo beijo Lisette.

La Gata Coqueta disse...

La amistad es un talismán difícil de medir
Pero ya he encontrado
El autentico valor de esa medida
Y es que tú eres el talismán de la suerte
Un amigo salpicado por la rapsodia de las letras.

Feliz domingo para ti Africa!!

Atentamente
María Del Carmen

Loli Salvador disse...

Es como una luz que nos despierta, para leerlo en voz alta. Darse cuenta es todo un descubrimiento y a veces permite cambiar el rumbo.
Feliz semana. Un beso

AFRICA EM POESIA disse...

Lizeta
para ti..

.um beijinho

AFRICA EM POESIA disse...

Gatita
Com Amor te dejo un besito.. gracias

AFRICA EM POESIA disse...



Loli
gracias por tu interpretacion
besitos e volta sienpre.

Manuel disse...

Já te tinha dito que este poema é magnifico, mas venho confirmar.
Vamos lendo poesia e sofrendo! Não é amiga?

Sheila Jorge disse...

Oi, quanto tempo não vinha por aqui!
suas poesias continuam lindas, Lili.
Deus te abençoe e te guarde.
beijinhos!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As vezes
o mundo
exige de nós pressa.
Assim é preciso cuidado,
para que na ânsia
de acompanhá-lo
não nos percamos
da vida.

Que haja sempre um sonho
a te habitar o entardecer do dia.

Aluísio Cavalcante Jr.

Sissym disse...

O dia que reparei que estava andando muito na frente, percebi que precisava ter um pouco de paciencia, acertar os passos e seguir mais alinhada. Algumas vezes eu faço isso.

Beijos

Momentos

CLIC PARA VER TODAS AS FOTOS

Da Rose para mim

Da Rose para mim
Belo SELo Guardo-o com Carinho

Sor Cecilia obrigada

Sor Cecilia obrigada
Estoi a tu lado