domingo, 29 de junho de 2008

O meu Baú...


O meu baú...


Meu baú encantado...
Meu baú bem fechado...
Meu baú que ficou lá...
Mas que eu o imagino cá...
.........
No meu baú...
............
Os meus sonhos...
As minhas vestes...
Os meus brincos...
Os meus laçarotes...
As minhas bonecas...
...........
No meu baú...
.........
Os meus beijos...
Os meus desgostos...
As minhas loucuras...
.......
No meu baú...
.......
Fechado a sete chaves...
Eu olho para longe...
E sei que o meu baú...
É também igual...
A uma caixinha de Pandora...
...

E nada mais...
E não o abro...
Porque quero que o sonho...
Continue guardado...
Perdure para sempre...
E nunca se desfaça...



Lili Laranjo
_________________

1 comentário:

Lino disse...

Lili, é elogiável este teu blog, não bastasse a beleza dos teus versos, há as imagens de uma terra singular e... Saudosa!
Toda a merecida sorte, menina do Negage.

Momentos

CLIC PARA VER TODAS AS FOTOS

Da Rose para mim

Da Rose para mim
Belo SELo Guardo-o com Carinho

Sor Cecilia obrigada

Sor Cecilia obrigada
Estoi a tu lado